14° Sarau Nacional Banca de Poetas - Edição "Memória Candanga" na Affonsolândia 

Foi ao ar, nesse último dia (02) de setembro, a décima quarta Edição do Sarau Nacional Banca de Poetas superando todas as expectativas.

Rumo ao segundo ano em parceria com a Rádio Nacional, transmitido ao vivo e ao ar livre pelo programa Revista Brasil do apresentador Valter Lima e pela internet através do aplicativo BC Rádios, Banca de Poetas, Gama Cidadão e Poetas de Sofá que realizam Live Streaming nas suas páginas no Facebook.

Desde que deixou de ser apresentado nos estúdios da rádio para ser itinerante, o programa tem mantido a premissa de levar ao ouvinte, além da literatura como liame, questões sobre meio ambiente, saúde, segurança e memória. Como na Capital Federal o tema memória é praticamente inesgotável, fomos para Candangolândia, cidade berço de Brasília. Lá, o anfitrião foi Affonso Gomes, um poeta maranhense de Caxias que advoga nos momentos em que a arte lhe permite. Dono de um Museu de Arte e utensílios de dar inveja a grandes colecionadores, o anfitrião era só alegria.

O maranhense, que é presidente da Academia Candanga de Letras, recepcionou a equipe com um café da manhã típico do seu interior, com direito a cuscuz de arroz feito pela “rádio Patroa”.  Entre o acervo, pudemos conferir uma coleção de acordeões de diversos números, desde as famosas oito baixos até as grandes sanfonas daquela geração. Tudo emoldurado por rádios, vitrolas e eletrola que representavam a voz do passado. Além de vasta coleção de vinis. Tudo à disposição da produção, servindo como cenário e matando de saudade o grande radialista Valter Lima. 

Sempre respeitando o compromisso de priorizar os artistas locais, convidamos o clube dos violeiros que tem sede naquela cidade. A dupla Idelbrando e Barcelos representou a entidade cantando clássicos do cancioneiro caipira e canções autorais. Volmi Batista que também é do clube e representa vários artistas, inclusive, os premiados Zé Mulato e Cassiano e que tem, também, o seu próprio programa na Rádio Cultura, foi outro ilustre convidado. Uma figura que emocionou os presentes e quem ouvia o programa foi um candango notável. Trata-se do Sr. Carlos Paulista, morador histórico e defensor da memória candanga. Paulista, como é conhecido, arrancou aplausos dos participantes e foi às lágrimas.

D. Martinha do Coco é dona de uma das vozes mais ricas e inventivas da música brasileira. Suas composições são de grande riqueza melódica, e suas interpretações mostram os muitos recursos de sua voz.

A grande caminhada de Chico Nogueira, à frente dos Mambembrincantes, no “garimpo” a céu aberto da Cultura Brasileira desembocou nesta parceria com esta grande dama da Música do mundo.

“Martinha do Coco e Chico Nogueira em COCO A2” é o encontro das melodias da Viola Caipira, com a pegada vital e cheia da alegria de viver do Samba de Coco, dos Maracatús, das Cirandas. Os dois, que são pratas da casa, vieram acompanhados de uma atração que vai dar o que falar nos palcos e nas rodas de ciranda e de coco por onde passarem. Trata-se de Fernanda Vitória, uma nova promessa na percussão. "Com percussão leve e dinâmica de Fernanda Vitória o grupo "Coco A2" segue a trilha da criação radical que a Cultura Popular brasileira instiga, e anuncia"

Cuidando para garantir espaço a quem está iniciando suas carreiras, deixamos a cargo do grupo “Poetas de Sofá“, nosso parceiro nas redes sociais, a inclusão de seus convidados. Lucas Vasconcelos compareceu com um poema autoral deixando claro que idade não é documento.

O que importa é o talento e a força de vontade. Como o trabalho é desenvolvido na perspectiva das redes colaborativas, todo o resultado é compartilhado e transmitido ao vivo pelo portal de noticias Gama Cidadão, parceiro histórico da iniciativa nas redes sociais.
 

O apresentador Valter Lima, mexendo no rádio


Museu vivo da história do rádio no Brasil. A rádio dentro do rádio transmissão ao vivo 
 

Pioneiro Sr. Carlos Paulista, morador histórico e defensor da memória candanga
 

Francisco de Assis, poeta convidado do anfitrião, recitou poemas de sua autoria
 

Martinha do Coco e Chico Nogueira da Cia MambemBrincantes se encontram na roda e apresentam
Fernanda Vitória na percussão. (Coco A2).

 

Coco A2 levanta a plateia
 

Poeta Domício Chaves é Samambaia na rede
 

Clube do Violeiro no teatro literário, Idelbrando e Barcelo
 

Leitura dramática no teatro literário. Lucas Vasconcelos convidado do grupo Poetas de Sofá
 

Mais uma fotos para história
 

Galeria de fotos. Clique aqui! 

Reprise das transmissões ao vivo:  link 1 e link 2 


Contato do Coco A2:

+55 (61) 9 9188-0560 - Cleudes (produtora)
+55(61) 9 9255-4066

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.