Ao vivo: protestos marcam desfile de Sete de Setembro na Esplanada

Bem antes do início do tradicional Desfile da Independência, na Esplanada dos Ministérios, nesta segunda-feira (7/9), as arquibancadas preparadas ao longo da via N1 (Eixo Monumental) estavam lotadas. Para manter a segurança do evento, a Polícia Militar revistou quem chegava a pé e de bicicleta, a partir da Rodoviária do Plano Piloto. Aproximadamente 1,7 mil profissionais da segurança pública foram escalados para atuar na ocasião. Desses, 1,5 mil são PMs. Um boneco inflável que representa o ex-presidente Lula com roupa de presidiário – que estava presente nas últimas manifestações contra o governo petista – foi inflado, ao mesmo tempo em que faixas com dizeres “fora Dilma”, “fora PT” foram hasteadas no gramado central da Esplanada dos Ministérios. Confira as informações ao vivo:

9h39 – O público na Esplanada dos Ministérios acompanhando o desfile é de 25 mil pessoas. O número foi divulgado pela Polícia Militar.

 

9h38 – A boneca Pixuleca acaba de murchar. Antes, o boneco Pixuleco já havia rasgado. A boneca permaneceu inflada durante cerca de 30 minutos.

9h35 – Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais já participa do desfile e conta com 90 militares. Depois é seguida pela Companhia Feminina da Marinha.

 

 

9h34 – A boneca que representa a presidente Dilma custou R$ 13,5 mil, de acordo com Josan Leite, de Maceió, um dos organizadores do movimento Brasil, contra o governo. Batizada de Pixuleca, a boneca de 13 metros tem nariz de Pinóquio, manchas de lama no corpo e faixa presidencial rasgada.

 

9h26 – Manifestantes entregam imitações de notas com os rostos de Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva, com o nome de Pixulecos.

9h26 – Dilma Rousseff aplaude o desfile dos alunos ao som de “Que nem jiló”, de Luiz Gonzaga. A presidente e o vice Michel Temer trocam algumas palavras e sorrisos.

9h21 – Cerca de 100 pessoas participaram do ato de queima de pneus no Eixo Monumental.

9h21 – Manifestantes começaram a inflar a Pixuleca. Minutos depois, o boneco Pixuleco rasgou. Para evitar o mesmo problema, a Pixuleca foi reforçada.

9h16 – O Corpo de Bombeiros fez um atendimento por ataque de abelhas. A vítima foi atendida e liberada. O ataque ocorreu próximo ao prédio da Marinha, na Esplanada dos Ministérios.

9h14 – Vídeo: grupo ateia fogo a pneus e fecha via no Desfile da Independência.

 

 

 

9h13 – Após os bombeiros dispersarem os manifestantes no Eixo Monumental, o fogo nos pneus foi contido pela corporação.

9h13 – Carro da presidente passa e as vaias continuam na Esplanada dos Ministérios. A vaia impede que se escute o que Dilma Rousseff diz em pronunciamento.


9h08 – Começa um confronto na área dos manifestantes que colocaram fogo em pneus próximo a Rodoviária do Plano Piloto. Os bombeiros chegaram e estão dispersando as pessoas.

9h06 – Marina Bavaresco, moradora da Granja do Torto, é integrante da União das Esposas de Militares e está de quepe e colher de pau para protestar contra o governo. “Minha insatisfação é ver o país se afundando em um mar de corrupção, com nosso dinheiro sendo desviado para Cuba, para a Bolívia”, reclama.

9h02 – A presidente Dilma Rousseff é aplaudida por uma parcela de pessoas que estão nas arquibancadas do desfile. “No meu país, eu boto fé, porque meu país é governado por mulher”, gritaram os apoiadores à Dilma.

 

 

9h02 – Manifestantes do MST colocam fogo em pneus no Eixo Monumental, próximo a Rodoviária do Plano Piloto, cerca de 1,6 km do local do desfile na Esplanada dos Ministérios. O motivo do protesto é relacionado a moradia popular no Distrito Federal.

 

9h – O desfile começou, com a chegada da presidente Dilma Rousseff no carro oficial. O vice-presidente Michel Tëmer e o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, estão na arquibancada de autoridades, junto à presidente Dilma.

08h45 – Manifestantes resgatam o boneco do presidente Lula representado com roupas de presidiário.


Fonte: Correio Braziliense – 07/09/2015 08:34 / atualizado em 07/09/2015 09:44