Brasília Open de Voo Livre: Brasília se prepara para sediar Mundial de Voo Livre

Campeonato internacional da modalidade reunirá 60 dos melhores pilotos do mundo a partir deste sábado

 

Entre os dias 8 e 15 de agosto o Brasília Open de Voo Livre, campeonato internacional da modalidade, vai reunir 60 dos melhores pilotos do mundo na cidade. Para o Secretário de Turismo de Brasília, Jaime Recena, é uma oportunidade para reforçar a vocação da capital para receber grandes eventos esportivos. “Competições como esta projetam a imagem da nossa cidade de forma positiva em várias localidades do mundo”, disse o secretário. …

O Brasília Open será o primeiro de três campeonatos internacionais a serem realizados na cidade nos próximos anos. O próximo é o pré-mundial, em 2016. No ano seguinte, o Campeonato Mundial, maior evento do voo livre do planeta.

De acordo com a subsecretária de Captação de Eventos da Secretaria de Turismo, Mariana Braga, Brasília foi escolhida para sediar essas disputas por várias qualidades: segurança, beleza, condições climáticas, estrutura de apoio, facilidades de acesso aos resgates e múltiplas opções de pouso.

Para o organizador do evento, Beto Schmitz, que já foi oito vezes campeão brasileiro e também conquistou um mundial por equipes, o clima de Brasília é muito favorável ao esporte em função das excelentes condições para voo no período da seca: “Eu, que tenho mais de trinta anos de experiência, e que já voei em dezenas de lugares ao redor do mundo, posso dizer que o voo em Brasília é uma experiência completa. É, ao mesmo tempo, seguro e desafiador, exigente em técnica, mas cheio de beleza, gostoso, difícil e gratificante. Uma experiência que qualquer piloto do mundo deseja ter”.

O piloto australiano Jonny Durand, número dois no ranking mundial da Federação Internacional de Voo Livre (FAI), vai além: “Brasília é o melhor lugar do mundo para se voar”. O Brasilia Open de Voo Livre já tem 45 pilotos inscritos, mas o número de competidores pode chegar a 60. Serão cerca de 40 brasileiros, três uruguaios, oito argentinos, um equatoriano, dois australianos, um italiano, um americano e quatro paraguaios. Além dos inscritos, outros pilotos devem se juntar aos atletas para aproveitar as boas condições de voo locais e voar, sem competir.

O local

As decolagens ocorrerão no Vale do Paranã, no município de Formosa, no estado de Goiás. De carro, a rampa de decolagem fica a cerca de cento e vinte quilômetros de Brasília. Em linha reta, pelo céu, são 72 quilômetros até o local de pouso. Os pousos serão realizados na região central de Brasília, na Esplanada dos Ministérios, perto da Rodoviária do Plano Piloto, todos os dias, exceto em 11 e 12 de agosto.

Na Esplanada estará montada a arena do evento, com o centro de controle do campeonato e, no sábado, dia 15 de agosto, haverá ainda música ao vivo para animar competidores e plateia. Para o público, a chegada das coloridas asas deltas é um verdadeiro espetáculo. Serão dezenas de pousos realizados com precisão por experientes pilotos, todo dia, a partir das 14h30.

Fonte: Secretaria de Turismo do DF – 05/08/2015 – – 20:33:26