Conheça os presidentes zonais do Gama e do Riacho Fundo

0

A partir do próximo sábado (16), os filiados terão a oportunidade de debater a conjuntura local e nacional, destacar as principais deficiências enfrentadas diariamente pelos moradores das Administrações Regionais e eleger as novas direções zonais

Zonais

Às vésperas de mais uma série de Congressos Zonais, o Partido Socialista Brasileiro do Distrito Federal divulga, a partir desta quarta-feira (13), o trabalho realizado pelos presidentes zonais em atuação desde 2011 nas principais zonas eleitorais do DF. A começar pelos presidentes Pedro Antunes Nunes, do Gama, e Patrícia Souza Moronari, do Riacho Fundo. As duas zonais darão incício ao ciclo de plenárias neste sábado (16).

Com a missão de aproximar a legenda das questões locais e atuar junto à população na garantia da democracia e da correta prestação dos serviços públicos, as Zonais do PSB-DF caminham rumo a regulamentação e legitimidade de atuação junto ao Diretório Nacional do PSB. A partir do próximo sábado (16), os filiados terão a oportunidade de debater a conjuntura local e nacional, destacar as principais deficiências enfrentadas diariamente pelos moradores das Administrações Regionais e eleger as novas direções zonais.
Aos novos representantes das Zonais, a serem escolhidos entre março e abril, caberá dar continuidade ao projeto de divulgação dos preceitos socialistas e de consolidação do PSB-DF como partido atuante e preocupado em solucionar os problemas das cidades. O primeiro passo para a reestruturação das Zonais foi dado com a ajuda e o comprometimento de socialistas escolhidos, há dois anos, de forma democrática pela militância do DF.
 
Conheça as atividades realizadas pelos presidentes zonais do Gama e do Riacho Fundo, que realizarão plenárias no sábado (16), às 10h e às 16h, respectivamente:
 
Zonal do Gama
 
Filiado ao PSB-DF desde junho de 2011, Pedro Antunes Nunes assumiu a presidência da Zonal em setembro do mesmo ano com o compromisso de integrar a militância na cidade. Responsável pela atuação do partido na 4ª e 9ª zona eleitoral do DF, a Zonal do Gama atende a 651 filiados moradores da RA. “Tinha conhecimento das dificuldades de administrar uma Zonal, mas com muita garra e compromisso aceitei o desafio e, juntamente, com meus companheiros realizamos onze reuniões, além de termos participado dos Congressos de Segmentos e da Executiva Regional, em 2012”, observa o socialista.
 
A realização do Sarau Político, no ano passado, também reuniu os socialistas da cidade para a discussão da Proposta de Emenda à Constituição (PEC), de autoria do senador Rodrigo Rollemberg (PSB), que propõe a eleição direta para os administradores regionais. Na ocasião, a cultura popular produzida no Gama foi representada pelos artistas Léo Sodré, Betho Alencar, Cleyson Batah e pela Banda Max. Em novembro de 2012, a vontade de crescimento político e partidário da legenda foi discutida e aclamada pelos socialistas durante plenária organizada pela Zonal, com a participação do presidente regional Marcos Dantas, do senador Rodrigo Rollemberg e do deputado distrital Joe Valle, representantes socialistas na política nacional e local.
 
Na avaliação do presidente zonal, os esforços a partir de agora devem estar voltados para o crescimento no número de filiados e para o fortalecimento do projeto político de 2014, com a apresentação de novos quadros para o partido. “O sucesso da zonal está em não alimentarmos a vaidade e termos a certeza que juntos teremos um 2014 promissor com o PSB mais unido e presente nas cidades”, analisa Nunes.
 
Zonal Riacho Fundo
 
A atuação da Zonal abrange não só Riacho Fundo I e II, mas também o Park Way, Núcleo Bandeirante e Candangolândia, que juntos formam a 10ª zonal eleitoral do DF. A socialista Patrícia Souza Moronari está a frente da Zonal desde 22 de novembro de 2012, indicada para assumir o cargo logo após plenária realizada com a presença de mais de 60 filiados. O presidente do PSB-DF e o senador Rollemberg também prestigiaram o encontro. “Desde então, passamos a nos reunir periodicamente e tendo como pauta permanente reformulação do PSB na nossa zona eleitoral”, explica a presidente.
 
O trabalho iniciado pela Zonal de divulgar os ideais socialistas entre os moradores das quatro cidades também é ressaltado pela socialista. “A integração do partido com a comunidade é essencial, pois não tem como conhecer o que acontece nas regiões do DF sem visitá-las e sem entender as necessidades da população”, disse Patrícia Moronari.
 
Atualmente com 124 filiados ativos, a Zonal trabalha com o objetivo de ampliar o número de socialistas e de quadros técnicos e políticos para a legenda no DF. Ideal que deve ser atingido com o aumento na realização de atividades nas cidades e encontros permanentes para discutir as demandas locais a fim de traçar melhorias reais para a população.

Fonte: Psbdf

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA