fbpx
30 de julho de 2021

Internas de presídio feminino recebem atendimento de defensores públicos

A Defensoria Pública do Distrito Federal realiza durante esta terça-feira (18/12) mutirão carcerário no presídio feminino do DF, no Gama. A ação tem o objetivo de avaliar a situação de 340 mulheres que estão cumprindo prisão provisória. A defensoria pública espera que com a ação as detentas tenham o auxílio jurídico e consigam acompanhar todo o processo de julgamento.

Os atendimentos devem ocorrer das 9h até as 17h desta quarta-feira (19/12). Dez defensores públicos se revezam para atender gratuitamente as internas, que ainda respondem judicialmente. De acordo com os dados do sistema presidiário do Gama, cerca de 80% das internas respondem por tráfico de entorpecentes.

Esta é a primeira vez que é realizado um mutirão específico para atender as detentas ainda não condenadas, no DF. “Vamos avaliar a situação jurídica dos processos, se é possível pedir habeas corpus, informar o dia da audiência e explicar qualquer medida que possa beneficiá-las”, detalha a coordenadora do Núcleo de Defesa do Consumidor da Defensoria da Mulher Dulcielly Almeida.

Fonte: Correio Braziliense

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial