Série D: Ataque do Gama busca incessantemente marcar gols

Os atacantes gamenses buscam incessantemente a marcação de um gol na quarta divisão nacional

Gama, DF, 30 (AFI) – Um clube de futebol para conseguir grandes conquistas tem de ter um equilíbrio em seus vários setores. Por exemplo, caso a equipe esteja conseguindo se manter sem levar gols a oito partidas, mostra que seu esquema defensivo está funcionando corretamente. Mas se o ataque do time ainda não balançou as redes dos adversários, então alguma ação tem de ser tomada, pois a agremiação não vencerá suas partidas, só empatando os jogos. Este é o retrato do Gama-DF que disputou dois jogos nesta Série D do Campeonato Brasileiro não levando nenhum gol, mas também não marcou nenhum.

 

Os atacantes gamenses buscam incessantemente a marcação de um gol na quarta divisão nacional. O experiente atacante Rafael Grampola disse que: “É infelizmente ainda não comemoramos um gol e também, uma vitória. Mas vamos continuar persistindo e a qualquer hora isto deve acontecer”, disse o avante gamense.

Para a partida do próximo domingo, 16 horas no estádio Castor Cifuentes, em Nova Lima/MG diante do Villa Nova, o técnico Gilson Granzotto não conta com o lateral direito Dudu Gago, expulso diante do Crac-GO. O treinador gamense ainda não confirmou quem entra na vaga. O mais cotado é Zé Augusto que entrou no segundo tempo no empate diante do líder do grupo A6, o Crac-GO.

O Gama viaja no sábado no início da noite para Belo Horizonte. No domingo, de ônibus seguirá para Nova Lima, onde enfrentará o Villa Nova a partir das 16 horas, em partida válida pela quarta rodada da série D, grupo A6.

Fonte: Futebol Interior – 30/07/2015