Notícias

Os Fantasmas deixado por Agnelo no Gama: Buracos, bocas de lobo entupidas, muita lama e incompetência da Administração

Nesses últimos meses de gestão do Governo de Agnelo Queiroz, parece que o Distrito Federal parou no tempo. Já não vinha sendo feito muita coisa, mas agora a sensação que se tem é de que apartaram o botão “Stop” no Governo do DF. E como não podia ser diferente o Gama vem enfrentando problemas crônicos.

Buracos nas ruas, falta de manutenção e investimento em infraestrutura, bocas de lobo entupidas e por ai segue. Os problemas são muitos o período de chuvas ajuda a agravar a situação e quem sofre as consequências é a população.

img img

Para se ter um exemplo, os moradores da Quadra 13, 15 e 17 no Setor sul do Gama estão sofrendo com a multiplicação de buracos nas ruas. De acordo com o Sr. Carlos, morador da quadra 17 daquele setor, a quadra está abandonada há mais de 5 anos.  “Os próprios moradores têm tapado as crateras com pedras de cascalho e cimento. Os moradores do conjunto “A” da referida quadra, resolveram se juntar e bancar do próprio bolso as obras de pavimentação”, disse o morador.

A Sra Analia conta ainda que quem vive na quadra reclama dos buracos que atrapalham os veículos e pedestres. As crianças não brincavam mais na frente de suas casas por conta do medo. Os veículos, ao desviarem dos buracos, acabam trazendo riscos ao pedestre.

img img


Outro problema grave enfrentado por outra parte da população do Gama é a falta de manutenção e infraestrutura das vias que atendem a zona rural da cidade. Além dos buracos, devido à falta de pavimentação de muitas das vias da região é muito comum o surgimento de verdadeiros lamaçal quando chove. Isso está afetando muitos serviços que são prestados nessa região.

img img

Para se ter uma ideia da calamidade em que se encontra a região rural do Gama, os moradores do setor de Chácaras estão sofrendo com a falta de atendimento das enfermeiras do “programa Estratégia Saúde da Família” que trata de pacientes em casa que tem dificuldades de locomoção. Os agentes de saúde ameaçam não ir mais ao local porque o trecho está impossível de transitar. Muitos buracos e lama por toda parte e que depois das chuvas ficaram ainda pior. Um verdadeiro rally. Os veículos atolam nos buracos e a dor de cabeça é tremenda para os agentes, que tem uma agenda grande para atender todo DF. Segundo informações de um agente de saúde eles atendem pacientes que necessitam de ventilação mecânica e não podem ficar sem o atendimento. O paciente corre risco de vida e isso é muito grave.

Os agentes disseram que já fizeram varias reclamações na Administração Regional da cidade, porém até o momento ninguém fez nada para sanar o problema. Enquanto isso quem depende de serviços, como os dos enfermeiros, na região rural do Gama, fica a mercê da sorte.

Fomos atrás de respostas e a Administração do Gama nos informou que os pedidos de tapa buracos são muitos e que não é possível atender à demanda.

Da redação colaboração: Lucas Lieggio

 

 

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Portal de Notícias Gama Cidadão o
Fechar