fbpx
24 de junho de 2021

Reuniões focadas em melhorias para o Gama

Desde o início de maio estão ocorrendo reuniões sobre o Orçamento Participativo. O foco principal é unir a população com o governo em busca de melhorias ao bairro No decorrer deste mês estão ocorrendo no Gama, reuniões sobre o Orçamento Participativo. Elas têm como objetivo principal integrar a população com o governo, fazendo com que os cidadãos participem de maneira ativa nas decisões sobre os orçamentos públicos. Esses processos contam com Plenárias de Base, Fóruns de Delegados para a escolha de prioridades e um Conselho para a relação direta com o governo. No Orçamento Participativo forma-se um processo de empoderamento do participante nos destinos do orçamento público. No dia 19 de maio, a plenária do Orçamento Participativo ocorreu no DVO. O evento foi no Centro de Ensino Fundamental Gesner Teixeira, com o propósito de eleger os delegados e pontuar as principais necessidades da região. Mais de 140 pessoas participaram ativamente da reunião que contou com a presença do Administrador do Gama, Adauto Rodrigues, e do representante da Coordenadoria de Cidades, Giovane Batista. Na reunião foi apresentado o modelo de gestão popular onde o povo delibera e opina sobre suas necessidades. Em seguida, os participantes se reuniram para eleger os delegados que irão representar a comunidade no Setor DVO. Após essa eleição, que resultou na escolha de 14 delegados, será realizado um fórum de delegados, em breve, para escolha dos conselheiros que serão responsáveis por levar as reivindicações da comunidade à Câmara Legislativa.

De acordo com Adauto Almeida, administrador do Gama, por conta do descaso da população com a política, muita gente está deixando de ir às reuniões. Para ele, a comunidade não pode deixar de participar. “É muito importante porque a participação vai ajudar a resolver os problemas da cidade. O governo irá fazer o que a comunidade definir. Além disso, a população se sente valorizada dando sua opinião. O morador agora tem a oportunidade de fazer acontecer”, afirma o administrador.

Qualquer pessoa pode participar do Orçamento Participativo. A cada dez pessoas que se inscreveram em algum tema de interesse da população, como saúde, lazer, segurança, é eleito um delegado para representar a comunidade nos diversos temas. Depois disso, dependendo do número de pessoas inscritas nos temas, são eleitos suplentes. Depois de todos os delegados serem escolhidos, a cada 50 delegados vão eleger um conselheiro, que irá acompanhar as demandas e o orçamento em 2012, representando a comunidade junto à Câmara Legislativa. Outras quatro plenárias já aconteceram, sendo elas no Setor Leste, Setor Oeste, Ponte Alta Norte e Setor Norte. No primeiro momento a população foi esclarecida sobre a metodologia do programa e  elegeu seus delegados.

Próxima reunião do Orçamento Participativo:
PONTE ALTA DE BAIXO, ENGENHO DAS LAJES E ARREDORES
Dia 28 de maio (Sábado), às 14h
Local: CEF Engenho das Lajes (BR-060 KM 30 ROD. BSB/Goiânia).

Fonte: Jornal da Comunidade

Israel Carvalho

Diretor-Presidente do portal Gama Cidadão, Jornalista nº. DRT 10370/DF, Multimídia e Internet Marketing.

View all posts by Israel Carvalho →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial