Esgoto a céu aberto irrita moradores no Setor Sul do Gama

Mau cheiro, poluição, acúmulo de dejeto, imundície e bloqueio aos pedestres são os problemas relatados pela comunidade.

Os moradores e comerciantes das quadras 05, 11 e 13 no Setor Sul do Gama, estão sofrendo com o descaso da Administração Regional e da Caesb, que juntas não conseguem solucionar um problema recorrente das tubulações rompidas, que infestam a área com dejetos poluentes oriundos do esgoto a céu aberto dia e noite.

Uma “boca de lobo” está estourada em frente ao COSE Sul, onde também se localiza o Batalhão da Força Nacional. Vários moradores da região são vistos passando com a mão tapando o nariz, para evitar sentir o mau cheiro que exala, além da contaminação dos pneus dos carros e dos pedestres ao passar pelo local carregam para as entrequadras e residências.

O problema é recorrente no Setor. Pelo menos é o que diz a Sra. Sebastiana. Ela conta que desde sexta-feira o esgoto está jorrando a céu aberto, outros moradores já ligaram várias vezes para a CAESB que é o órgão responsável, e até o momento não tomaram nenhuma providência sobre o caso.

Além das dificuldades em transitar pela rua, o mau cheiro incomoda até mesmo dentro do comércio. “Chega ao ponto de incomodar os clientes, tem hora que prefiro ficar fora do que dentro da loja. Pois dentro, o cheiro fica insuportável”, afirmou Vanda.

“A CAESB órgão irresponsável pelo esgoto não tem olfato?”

Da redação do Gama Cidadão

Tags

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios