NotíciasNotícias do GamaPolíticaRepórter CidadãoSaudade minha cidade

Extra! Extra! Dona UPA é morta com tiros a queima roupa, o principal suspeito é o GDF

Mais de 1.4 milhão de reais serão enterrados com ela no dia 20/04/2019, às 10 horas

“GAMA (13/12/13) – O governador Agnelo Queiroz assinou a ordem de serviço para iniciar as obras de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no Gama.” Assim começou o blá-blá-blá de uma matéria da Agência Brasília em 2013. E adivinhem ? até a data de hoje, nada saiu do papel.

A UPA deveria oferecer exames de imagem (Raios X), laboratório, eletrocardiografia e atendimento em clínica médica e pediatria, tinha a previsão de ser entregue no 1° semestre de 2014. No entanto, 5 anos depois nada saiu do papel.

Haja vista a determinação do GDF em 2013, está unidade era para estar ajudando tanto a estrutura de saúde do Gama, quanto a estrutura da Santa Maria. Localizada na QI 7 do Setor Leste, a UPA do Gama teria 6 mil m² de área, e era previsto um investimento de R$ 10 milhões. A unidade daria atenção às urgências e emergências de baixa e média complexidades, para cobertura de uma população de 200 mil a 300 mil habitantes, durante 24 horas.

A redação do Gama Cidadão noticiou em 2013 o pacote de medidas anunciado pelo então secretário de Saúde, Rafael Barbosa. E esse ano (2019) foi o basta para algumas lideranças da cidade, que declararam luto oficial pela dona UPA. Todos estão convidado para o velório no dia 20/04/2019, às 10 horas, no cemitério que deu lugar a antiga UPA do Gama (QI 7 do Setor Leste).

Por Danrley Pereira – Da Redação do Gama Cidadão

Tags

Danrley Willyan

Social Midia, Jornalista (número de registro: 0012449/DF) e Desenvolvedor Web

Artigos relacionados

Portal de Notícias Gama Cidadão o
Fechar