Coluna SocialComportamentoDestaque (Slide Show)NotíciasPolítica

Seminário Boas Práticas de Adoção: Família para Todos acontece no Ministério da Família

Seminário foi promovido pelo governo federal (Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos)

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), por meio da Secretaria Nacional da Família (SNF) e Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (SNDCA), promoveu nesta quarta-feira (03), às 14h, o seminário “Boas Práticas de Adoção: Família para Todos”.

Mesmo com atual situação do país, o governo federal discute temas tão importantes para a sociedade civil. Todos “sabem” sobre o tema, no entanto, nem todos têm domínio real sobre o assunto, por isso a importância de eventos como esse.

O MMFDH definiu em seu site o seguinte objetivo:

O objetivo do evento consiste em fomentar uma discussão eficiente a respeito do tema, com uma abordagem contextualizada sobre a adoção no Brasil, os desafios existentes e, especialmente, as boas práticas que têm sido adotadas pelos diversos atores que participam das etapas do processo de adoção.

Evento reuni autoridades no assunto para discutir as melhores práticas, possibilitando, desta forma, família para todos.

Paulo Fernando

Todos do meio conhecem o Dr. Paulo Fernando, que também é professor universitário e de cursinhos solidários. Paulo Fernando é militante ativo na defesa da família, conhecido militante no movimento pró-vida e pró-Família, atualmente participa do governo federal como Secretário Adjunto da Secretaria de proteção e direitos do Idoso. Veja uma frase que encontramos em seu site: paulofernando.com.br .

A família é base da verdadeira felicidade, nas pequeninas coisas do lar encontramos as gotas de felicidade: o afago da mãe, a palavra de um pai, a ternura de uma avó, experiência do avô, a amizade entre irmãos, a dedicação de tios, as brincadeiras entre primos, as confraternizações familiares e as cerimônias religiosas em conjunto. Encontramos, então na família, a solidariedade no infortúnio, amparo nas doenças, consolo na morte, repartimos conquistas e vibramos nos triunfos, sendo estímulo de todos os dias, esperança de perpetuidade no sangue e na lembrança afetuosa de nossos antepassados.

Paulo Fernando participa do seminário, veja entrevista:

Rosa Geane

Juíza titular da 16ª Vara Cível da Comarca de Aracaju – Juizado da Infância e Juventude – Rosa Geane Nascimento idealizadora da Campanha “Adoção: deixa crescer o amor”. A ação tem como objetivo estimular, conscientizar e preparar as pessoas para a adoção, principalmente, a adoção tardia, inclusive de crianças e adolescentes com necessidades especiais e grupos de irmãos. Mais informações.

Marcos Maurício

Representando a Secretaria Nacional da Mulher – MMFDH.

De quem é a responsabilidade?

Todos somos responsáveis. A atual situação do país não tira a responsabilidade dos agentes públicos (Judiciário, Legislativo e Executivo) e da sociedade civil. Esse tema é de plena importância para todos. Parabéns as secretarias envolvidas e estamos de olho nas ações do governo.

Veja a cartilha da adoção: Família para Todos criada pelo ministério.

Por Danrley Pereira –  Da Redação do Gama Cidadão.

Veja matéria sobre o dia da adoção;

Dia Nacional do Cigano no MMFDH.

Tags

Danrley Willyan

Social Midia, Jornalista (número de registro: 0012449/DF) e Desenvolvedor Web

Artigos relacionados

Fechar