NotíciasPolítica

Sindetran/DF responde às críticas do GDF

Em resposta ao posicionamento do Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, o presidente do Sindetran/DF, Fábio Medeiros comunica à imprensa que:

Caro Governador,

Acreditamos que há um equívoco na sua fala a imprensa. Os servidores nunca foram contra a modernização do Detran, deram pareceres contrários a não assinatura de uma licitação de manutenção dos semáforos (com parecer favorável do TCDF), o que gerou um contrato emergencial. Os servidores são contrários a pressão exercida pelo atual Diretor de Engenharia e a pressa por fazer uma licitação. O Senhor fazendo o projeto fora do órgão reforça o imaginário de favorecimento no processo de licitação. Se todo o processo está dentro da licitude, nada justifica “esconder” os trâmites de servidores técnicos.

Sentimos muito se o Senhor acha que a população é maltratada no Detran, desconhecemos estes maus tratos, o que reconhecemos é que o Governo do Distrito Federal sucateou o Detran. Tudo que os servidores precisam é de condições de trabalho para prestar o melhor serviço à população. Com sistema que cai a todo instante, modernização nas instalações e unidades sem estrutura adequadas, pois o Detran não tem uma unidade que não seja “aproveitamento” de refugo da administração, fica bem complicado atender melhor.

Foi o Senhor quem colocou as pessoas que estão apressando os trâmites de uma licitação e consequentemente gerou um contrato emergencial, que todos sabem que é ruim para a administração pública.

A nomeação de um Delegado de Polícia não é modernizar nada, é simplesmente mais do mesmo. O Detran não pode servir para acomodar políticos que não tiveram êxito nas urnas, pessoas que estão sem cargos e etc. Historicamente sempre que tivemos Delegados e/ou Coronéis na Direção do Detran estes trouxeram suas tropas. O Detran não é casa de repouso para acomodar viúvos do Roriz ou Arruda.

O Detran tem uma importante missão e precisa de profissionais do trânsito. O trânsito não é lugar onde podemos fazer experiências e esperar que aprendam com o tempo. Profissionalismo nós só teremos com os agentes de trânsito do Detran/DF. Os Técnicos de Trânsito, os Assistentes de Trânsito, os Analistas de Trânsito e os Agentes de Trânsito são os profissionais que podem fazer o Detran uma entidade melhor, é só o Governo permitir.

Um Governo sem palavra não atende a população e não tem o respeito daqueles que estão para servir a população. Como os servidores podem confiar num gestor que, desde o início, faltou com a palavra empenhada? Os servidores do Detran/DF sentem saudade do tempo que honrar a palavra era um princípio inegociável, que a palavra valia tanto quanto um fio do bigode.

Senhor Governador, ainda há tempo para mudar. De nada adianta atacar os servidores. Como o Senhor bem disse, eles estão aqui para servir a população e ficarão mesmo depois que o Senhor não mais estiver. Não podemos acreditar que a administração do DF vai ser tratada desta maneira, onde quando o gestor é contrariado no seu desejo, simplesmente sai ofendendo os servidores e “leva a bola para outro campo”. O Senhor quer dizer que uma licitação correta e lícita não é aceita pelos servidores do Detran?

Fábio Medeiros

Presidente do Sindetran/DF

Tags

Artigos relacionados

Portal de Notícias Gama Cidadão o
Fechar