Destaque (Slide Show)Meio Ambiente e a SustentabilidadeNotíciasNotícias do Gama

Após ser a sede do Mundial Sub-17 da FIFA Gama volta vira cidade do lixo

Vídeos e fotos mostrando a situação do descarte de lixo na cidade

Ao invés de, o “GDF Presente”, no Gama quem continua dando as caras por todo lugar que se vá é o lixo, mau cheiro, sujeira, água parada e consequentemente favorecendo a habitação e proliferação do mosquito da dengue, ratos, baratas e por aí segue. A região, construída sobre um grande platô e que tem uma rica área de cerrado, vem sofrendo com o descaso do governo de Brasília. Ao andar pela cidade e seus arredores nota-se claramente o esquecimento por parte do Governo e da Administração Regional (RA II), quando deveria ser o contrário. Já noticiamos isso aqui não tem muito tempo, porém o que parecia ter mudado com a realização da Copa do Mundo da FIFA Sub-17, não se reflete na realidade.

Um governo pobre de recursos que deveria buscar no patrimônio natural uma alternativa de renda para o turismo e lazer para a população, age no sentido contrário. Com enorme potencial turístico e ecológico nem isso parece despertar os olhares do GDF de forma positiva, nem mesmo realizando um evento futebolístico de grande magnitude, como foi o campeonato mundial Sub-17 da FIFA em 2019.

Parece que estamos apenas “desenterrando” o assunto, mas não! Ele sempre existiu, apenas foi maquiado para realização do evento da FIFA. Podem notar, por onde se ande no Gama e seus arredores, que há lixo e sujeira pra todo lado, degradação do meio ambiente, buraco nas ruas, falta de sinalização, má conservação de vias e bens públicos (como paradas de ônibus, praças e monumentos). Até os parques “existentes” na região sofrem com todo esse descaso por parte das autoridades. Existentes só na lei e na teoria, pois na prática… Ainda hoje é outra questão muito mal resolvida, ou melhor que nunca tiveram solução definitiva.

A administração regional e Novacap, com todo seu maquinário e pessoal, não tem dado a mínima atenção para a cidade do Gama. Às vezes a impressão que se tem é que eles tentam esconder a sua incapacidade, empurrando os problemas para debaixo do tapete.

Chegou o período de maior concentração de chuvas na região e isso faz com que toda essa problemática fique ainda mais agravada.

O Gama Cidadão vem recebendo diversas queixas de moradores da cidade, denúncias sobre o abandono da região. Lixo e entulho vem sendo descartado em locais indevidos, nas encostas, nas áreas dos parques. Sem contar, claro, o que  fica pelas ruas. Basta andar pela cidade e ver com os seus próprios olhos.

Novamente demos um giro pela cidade e o que encontramos não foi nada bom. É vergonhoso o que se constatar. Desta vez contamos com participação de um morador e blogueiro da cidade, o Sr. Taciano. Além de nos reportar a denúncia sobre esse descaso, Taciano nos acompanhou durante o giro que fizemos pela região. 

É muito lixo e muita sujeira. Um completo descaso por parte da Administração e do Governo do Distrito Federal. Para se ter uma ideia, às margens da DF-290, rodovia que margeia o Parque da Prainha e o Parque da Ponte Alta Norte, encontramos muito lixo e entulhos. Um tremendo absurdo. Não precisamos nem pontuar os locais. É só você sair na porta de casa que o problema está ali.

Sabemos que a ADM da cidade faz alguma limpeza, mas isso não está resolvendo. As ações do poder público não surtem efeito.

Quem tem se aproveitado de todo esse descaso são os catadores de materiais recicláveis. Eles estão por todo lado tentando tirar sua renda através desse trabalho. Este que é contínuo e, segundo o Sr. Alailton deve aumentar agora com as festas de fim de ano.

O Sr. Adelson, que também é catador, nos disse que às vezes aparecem pessoas do governo tentando tirar eles do local e não tem ideia de como esses catadores fazem um serviço silencioso de reciclagem que poderia ser melhor aproveitado pelas autoridades. O Sr. Emilio Paiva nos mostrou o lixo que chega com as enxurradas da chuva e traz até animais mortos.

Um verdadeiro descalabro do GDF e da ADM Regional para com a cidade e seus moradores. Uma cidade tão peculiar e tão bela tomada pelo lixo e pelo descaso do poder público.

Até quando vamos ter que conviver com esse “vizinho” incômodo?

Vejam os absurdos que encontramos durante o nosso giro nesta terça-feira, 10 de dezembro de 2019:

Sr. Emilio, catador no lixão da Vila Roriz no Gama.
Lixão da Vila Roriz no Gama.
Entulho na Quadra 13 do Setor Sul do Gama (ao lado da Força Nacional). 
Entulho na Quadra 13 do Setor Sul do Gama (ao lado da Força Nacional).
Entulho na Quadra 13 do Setor Sul do Gama (ao lado da Força Nacional). 

Entulho na Quadra 13 do Setor Sul do Gama (ao lado da Força Nacional).
Entulho na Quadra 13 do Setor Sul do Gama (ao lado da Força Nacional).
Entulho na Quadra 13 do Setor Sul do Gama (ao lado da Força Nacional).
Entulho na Quadra 13 do Setor Sul do Gama (ao lado da Força Nacional). 
Entulho na Quadra 15 do Setor Sul do Gama.
Entulho na Quadra 11 do Setor Sul do Gama.
Entulho na Quadra 11 do Setor Sul do Gama.

Entulho na Quadra 11 do Setor Sul do Gama, às margens da DF290.
Entulho na Quadra 10 do Setor Sul do Gama.
Entulho na Quadra 10 do Setor Sul do Gama.
Entulho na Quadra 10 do Setor Sul do Gama.
Entulho na Quadra 10 do Setor Sul do Gama.
Entulho na Quadra 10 do Setor Sul do Gama.
Entulho na Quadra 10 do Setor Sul do Gama.
Entulho na Quadra 10 do Setor Sul do Gama.

Por Lucas Lieggio
Da redação do Gama Cidadão com a colaboração do Israel Carvalho e Taciano Lemos.

 

 

Tags

Israel Carvalho

Diretor-Presidente do portal Gama Cidadão, Jornalista nº. DRT 10370/DF, Multimídia e Internet Marketing.

Artigos relacionados

Fechar