Testes com Expresso-DF começam na semana que vem

img
 
Foto: Dênio Simões/GDF

Viaduto do Park Way inaugurado hoje permite tráfego de ônibus do Gama até o Park Way para testes de segurança e velocidade

BRASÍLIA (4/2/14) – Os testes de segurança e velocidade e o treinamento da equipe de trabalhadores do Expresso-DF – obra de mobilidade urbana que ligará Gama e Santa Maria ao Plano Piloto, por corredores de ônibus exclusivos – deverão começar na próxima semana, no trecho que vai do Gama até o viaduto do Park Way, inaugurado hoje (4).
 
img“Com a inauguração desse viaduto vamos liberando trechos e o ônibus articulado já pode transitar do Gama até aqui para fazer os testes de geometria da pista, velocidade, parada e saída”, explicou o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF), Fauzi Nacfur.
 
Segundo o diretor, a previsão é que entre o fim de março e o começo de abril o Expresso-DF passe a circular com passageiros do trecho que vai do Gama à Rodoviária do Plano Piloto.
 
img“Estamos avançando rapidamente na conclusão do Expresso-DF, a maior obra de mobilidade urbana do Brasil”, disse o governador Agnelo Queiroz. Após inaugurar o viaduto, o governador experimentou o ônibus especial que fará o transporte de passageiros do Expresso, acompanhado da primeira-dama, Ilza Queiroz, e do vice-governador Tadeu Filippelli.
 
A obra do Park Way é o quarto complexo de viadutos inaugurado do Expresso-DF. A obra, que custou R$ 13,4 milhões, beneficiará, diariamente, mais de 80 mil veículos que trafegam pela região.
 
“Esse viaduto é fundamental para garantir um trânsito completamente livre, e a população pode usá-lo de imediato para fazer o acesso ao Park Way”, completou o governador.
 
O Expresso-DF prevê a construção de 35 quilômetros de corredores exclusivos para ônibus, 15 estações de integração, 15 passarelas para pedestres, melhoria da acessibilidade e da infraestrutura viária. Também será implantado sistema de controle centralizado com regularização dos serviços, imagens on-line, fiscalização e tempos de viagem.

O complexo vai atender aproximadamente 270 mil pessoas (cerca de 11% da população). Serão beneficiados moradores das áreas de maior densidade demográfica do DF, além da população dos municípios goianos do Entorno Sul.
 
O investimento total é de R$ 600 milhões, com contrapartida de financiamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) da Mobilidade. As melhorias começaram em 6 de novembro de 2011.
 
imgVEÍCULOS – Os ônibus do Expresso-DF são especiais, com aberturas altas adaptadas à altura da plataforma dos terminais e transportam até 160 passageiros – duas vezes mais que os convencionais. Cada ônibus custa R$ 950 mil.
 
As linhas farão integração com sistema atual e serão operadas pela empresa Pioneira. O tempo de viagem será reduzido em 40 minutos.

Fonte: Agência Brasília

Tags

Israel Carvalho

Diretor-Presidente do portal Gama Cidadão, Jornalista nº. DRT 10370/DF, Multimídia e Internet Marketing.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios