Meus direitos e deveresNotíciasPolítica

Ato em repúdio a decisão do STF

Lava Jato segue o mesmo caminho de outras operações importantes feitas pela Polícia Federal (boi barrica e castelo de areia); o que você vai fazer em relação a isso?

Diante da decisão do Superior Tribunal Federal (STF) mudando a competência da Lava Jato para a justiça eleitoral (no fim vai cair nas mãos do Superior Tribunal Eleitoral), estamos chamando a população para se manifestar e aparecer na frente do STF para mostrar indignação diante dessa decisão.

Ato de repúdio a decisão do STF no Domingo as 10

A Justiça Eleitoral é uma justiça criada por políticos, para julgar políticos com base em critérios políticos.

Carlos Fernando Lima – Procurador

Participe do Ato em frente ao STF!

Duas outras operações morreram nos últimos dez anos, uma delas foi a operação Castelo de Areia que estava investigando o Grupo Camargo Correia e como eles estavam passando dinheiro para financiar campanha eleitoral e enriquecer políticos. Outra foi a Boi Barrica que investigava a família Sarney por tráfico de influência, lavagem de dinheiro e desvio de recursos públicos. Ambas morreram por questões processuais.

Esse tipo de estratégia é usada há muito tempo para deixar a classe política impune!

  • Procuradores da Lava Jato afirmam que a decisão atinge diretamente os processos em andamento.
  • O foco dessa decisão é estancar a sangria que vem sendo realizada pela operação na classe política brasileira.
  • É inacreditável que depois de 5 anos estejam mudando a competência da operação.
  • O principais fatos apurados está relacionado com políticos em busca de financiamento para campanhas.

Declinar esse tipo de processo para a Justiça Eleitoral irá gerar impunidade, pois esta não tem estrutura para lidar com esse tipo de caso.

Subprocuradora da PGR Cláudia Sampaio Marques

Por Danrley Pereira – Da Redação do Gama Cidadão

 

Tags

Danrley Willyan

Social Midia, Jornalista (número de registro: 0012449/DF) e Desenvolvedor Web

Artigos relacionados

Portal de Notícias Gama Cidadão o
Fechar