Governo divulga novo calendário de pagamento do auxílio emergencial

auxílio emergencial

Novo calendário do auxílio emergencial de R$ 600 foi divulgado pelo Ministério da Cidadania, logo após publicação no Diário Oficial da União (DOU), nesta sexta-feira (17).

De acordo com o calendário, os novos pagamentos vão beneficiar os que se inscreveram pelo site ou aplicativo, além do grupo que fazem parte do Cadastro Único, mas não recebem o Bolsa Família.

Para o grupo do Bolsa Família, o pagamento seguirá o calendário padrão do programa. Sendo assim, receberão sempre nos últimos dez dias do mês, conforme dígito final do benefício. A quarta parcela está confirmada para o dia 20 e 31 de julho e a quinta parcela entre 18 e 31 de agosto.

De acordo com calendário divulgado, os pagamentos vão contemplar até a quinta parcela, dos cadastros realizados até 2 de julho, data final da inscrição, cujos cadastros foram considerados elegíveis até o momento.

O calendário do auxílio emergencial, feito pelo Ministério da Cidadania, prevê datas diferentes para depósito dos valores na poupança social e para saque do benefício.

Confira o novo calendário do auxílio emergencial:

Lote 1:

O lote beneficia os trabalhadores que receberam a 1° parcela do auxílio em abril de 2020.

  • 4° parcela: depósito em poupança social entre o dia 22 de julho e 26 de agosto; saques e transferências entre 25 de julho e 17 de setembro.
  • 5° parcela: depósito em poupança social entre o dia 28 de agosto e 30 de setembro; saques e transferências entre 19 de setembro e 27 de outubro.

Lote 2

O lote beneficia os trabalhadores que receberam a 1° parcela do auxílio em maio de 2020.

  • 3° parcela: depósito em poupança social entre o dia 22 de julho e 26 de agosto; saques e transferências entre 25 de julho e 17 de setembro.
  • 4° parcela: depósito em poupança social entre o dia 28 de agosto e 30 de setembro; saques e transferências entre 19 de setembro e 27 de outubro.
  • 5° parcela: depósito em poupança social entre o dia 9 de outubro e 13 de novembro; saques e transferências entre 29 de outubro e 19 de novembro.

Lotes 3 e 4

Os lotes beneficiam os trabalhadores que receberam a 1° parcela do auxílio do dia 16 de junho a 4 de julho de 2020.

  • 2° parcela: depósito em poupança social entre o dia 22 de julho e 26 de agosto; saques e transferências entre 25 de julho e 17 de setembro.
  • 3° parcela: depósito em poupança social entre o dia 28 de agosto e 30 de setembro; saques e transferências entre 19 de setembro e 27 de outubro.
  • 4° parcela: depósito em poupança social entre o dia 9 de outubro e 13 de novembro; saques e transferências entre 29 de outubro e 19 de novembro.
  • 5° parcela: depósito em poupança social entre o dia 16 e 30 de novembro; saques e transferências entre 26 de novembro e 15 de dezembro.

Lote 5

O lote contempla beneficiários que se cadastraram por meio da plataforma digital entre os dias 17 de junho e 2 de julho de 2020.

  • 1° parcela: depósito em poupança social entre o dia 22 de julho e 26 de agosto; saques e transferências entre 25 de julho e 17 de setembro.
  • 2° parcela: depósito em poupança social entre o dia 28 de agosto a 30 de setembro; saques e transferências entre 19 de setembro a 27 de outubro.
  • 3° parcela: depósito em poupança social entre o dia 9 de outubro a 19 de novembro; saques e transferências entre 29 de outubro a 19 de novembro.
  • 4° e 5° parcelas: depósito em poupança social entre o dia 16 de 30 de novembro; saques e transferências entre 26 de novembro e 15 de dezembro.