Ciência e tecnologiaMeio Ambiente e a Sustentabilidade

Carros elétricos a caminho de ser o novo normal na Noruega

Quase um terço de todos os carros novos vendidos na Noruega no ano passado são alimentados por baterias, o que reforça a reputação do país nórdico como o melhor mercado do mundo para veículos elétricos.

Rica em petróleo, a Noruega pretende eliminar todas as emissões de carros novos até 2025 e oferece generosos subsídios para os compradores que optam por modelos elétricos. Outros países, como a China, planeiam seguir o mesmo exemplo. Em 2018, os carros totalmente elétricos representaram 31,2% do mercado norueguês, uma melhora de mais de 10 pontos percentuais em relação ao ano anterior, segundo a Federação Norueguesa de Rodovias.

Três dos cinco modelos mais populares foram elétricos, sendo o Nissan Leaf o primeiro, à frente do BMW i3 e do Tesla Model X.

“Em 2018, os carros movidos a combustíveis alternativos consolidaram a sua forte posição no mercado”, revelou o diretor da federação, Oyvind Solberg Thorsen, em comunicado.

A Noruega, um país de 5,3 milhões de habitantes, foi durante muito tempo líder mundial em vendas de veículos elétricos. No primeiro trimestre do ano passado o país foi ultrapassado pela Alemanha, o maior mercado automóvel da Europa. Entre os incentivos que sustentaram o mercado norueguês estão a isenção de impostos sobre vendas e portagens.

Solberg Thorsen disse esperar uma participação ainda maior dos carros movidos a bateria futuramente, considerando que ainda há uma procura inexplorada por veículos elétricos mais familiares, com maior autonomia e a preços razoáveis.

“Com a chegada de mais modelos ao mercado este ano, deveremos ver uma participação ainda maior de veículos com emissão zero nos números de vendas”, disse Solberg Thorsen.

(Texto original: Electric Cars on Course to Be the New Normal In Norway)

Fonte: Bloomberg, postado em 2 de janeiro de 2019 as 15:23.

Danrley Willyan

Social Midia, Jornalista (número de registro: 0012449/DF) e Desenvolvedor Web

Artigos relacionados

Portal de Notícias Gama Cidadão o
Fechar